Tudo o que você precisa saber sobre Fraldas de Pano Modernas!

Hoje o nosso papo vai ser sobre Fraldas de Pano Modernas.

Por Vanessa Daniele

“Oi? Ouvi direito? Tem gente que ainda usa fralda de pano no século XXI? Voltar para o tanque pra lavar cocô de criança? Deuzulivre!!”

“Ah, eu já conheço… filha, era dessa que você usava quando era criança… A gente coloca a fralda aqui dentro do bolso, prende com alfinete e por cima vai a calça plástica…”

Reação de espanto ou de nostalgia é o que não falta quando eu levo as fraldas para eventos e/ou feiras.

Me apresento: sou Vanessa, 36 anos, mãe da Sara que acaba de completar 2 anos. Quando minha filha nasceu, eu tirei a licença-maternidade de 4 meses e depois meu contrato temporário como professora encerrou. A Sara estava usando as fraldas de pano modernas há 3 meses, eu sem emprego, Brasília com demanda nesse segmento e nenhum vendedor desses produtos. Foi aí que surgiu a ideia de trabalhar com as fraldas de pano modernas. Assim comecei os contatos com as artesãs de fraldinhas no Brasil.

Mas, afinal, o que são fraldas de pano modernas?

As fraldas de pano modernas são compostas de duas partes: uma “capa” ajustável através de elásticos e botões e os absorventes (ou recheios). Em geral, as fraldas nacionais possuem elásticos caseados na cintura e nas perninhas, além de botões de pressão na parte frontal da fralda. Assim, os ajustes são bem variáveis e por isso as fraldas podem ser usadas em bebês de 4 a 15 kg (geralmente vão até o desfralde), já que a mãe vai regulando conforme o bebê vai crescendo.

1
Exemplo de uma fralda nacional. Detalhe para os elásticos caseados na cintura e perninhas (marca Nós e o Davi – fotos do acervo pessoal)
Parte interior da Fralda
Parte interior da Fralda

As fraldas importadas, em geral, não possuem elásticos caseados. Elas têm elásticos nas perninhas e muitos (muitos mesmo) botões na parte frontal da fralda, o que permite muitos ajustes também. Como esses botões são externos, não machucam o bebê. O que tenho visto é que as modelagens das fraldas importadas são um pouco maiores do que as nacionais.

Fralda importada (marca Naturalmente mãe – fotos do acervo pessoal)
Fralda importada (marca Naturalmente mãe – fotos do acervo pessoal)
Parte Inferior da Fralda Importada.
Parte Inferior da Fralda Importada.

Essas imagens acima mostram o que chamamos propriamente de “fralda”. As fraldas pockets (a grande maioria está na categoria “pocket”) possuem um bolso interior que serve para colocar o absorvente (ou recheio, como muita gente costuma chamar). Os absorventes que podem ser se melton, carvão de bambu, microfibra, fleece ou algodão (tecidos mais comuns de absorventes) podem ir por dentro desse bolso ou por fora, como algumas mães preferem usar.

É importante lembrar que a microfibra pode causar irritação na pele do bebê, e por isso só pode ser usada dentro do bolso, pois dessa forma o que ficará em contato com o bebê será o tecido da fralda. O absorvente de microfibra também pode ser envolvido naquelas fraldas branquinhas (conhecidas como “cremer”) e ir por fora do bolso da fralda. Os outros tecidos citados acima podem ficar em contato com o bebê normalmente. Algumas confecções utilizam uma camada de soft sobre o melton para dar a sensação de seco após o xixi da criança.

Absorventes
Absorventes
Fralda tipo
Fralda tipo “Cremer”

E quais as vantagem em utilizar fraldas de pano?

Cada fralda descartável demora cerca de 450 anos para se decompor na natureza (estimativa científica – não conseguimos ver nenhuma se decompor pois são séculos para que elas se desfaçam e temos apenas décadas de uso). Se os bebês usam em média 5600 fraldas desde o nascimento até o desfralde (por volta de 2 anos e meio), estamos, sem dúvida, produzindo toneladas de lixo de difícil decomposição. O planeta está sendo poluído de maneira acelerada.

Ademais, o “bolso” de quem usa fralda de pano também agradece. Inicialmente o gasto costuma ser alto: aproximadamente 800 reais para a compra de fraldas e absorventes, porém esse custo será único, ou seja, só no início. Depois é só lavar e poupar o bolso. Já com o uso das descartáveis, seu gasto será em torno de 5000,00 até o desfralde, além dos gastos com pomadas, pois geralmente as descartáveis dão alergias e/ou assaduras. Com as de pano, isso não ocorre. Aliás, essa é mais uma vantagem das fraldinhas ecológicas: seu bebê estará livre de assaduras. E no calor, é comum os pais deixarem os bebês só com fraldinhas de pano: elas são confortáveis e bonitinhas – podem substituir um short, a calcinha ou cuequinha.

Mas e o gasto com água e produtos de limpeza? As indústrias de fraldas descartáveis gastam muita, mas muita água mesmo na produção das fraldinhas. Comparando as lavagens que teremos com as de pano com a produção das fraldas descartáveis, o uso de água é bem menor para lavar as de pano. Além disso, não devemos usar muito sabão e nem amaciantes, água sanitária ou outros produtos que possam danificar as fraldas. O ideal é uma colher de café de sabão de coco em pó para uma máquina cheia de fraldas.

Outra vantagem do uso dessas fraldinhas é que a mãe pode usar as mesmas fraldas se vier a ter outro filho, pois elas são bem duráveis e resistentes. E se bem lavadas, não há motivo para se preocupar em passar de uma criança para outra. Inclusive há grupos virtuais de mães que usam fraldas de pano e muitas revendem após o desfralde, o que significa que o investimento pode te dar um retorno depois.

Quantas fraldas meu filho precisa ter?

Se o uso for exclusivamente de fraldas de pano, é necessário ter de 15 a 20 fraldas e de 30 a 40 absorventes. Essa quantidade é pensada baseando tempo de lavagem e secagem. Quanto mais fraldas uma mãe tiver, mais tempo ela poderá dar entre uma lavagem e outra. Se a quantidade de fraldas for razoável (umas 30 fraldas, o intervalo entre as lavagens pode ser de 3 a 4 dias). Lembrando que um recém nascido troca mais de fraldas do que um bebê que já tem alimentação sólida e com o tempo você utilizará menos fraldas por dia.

O intervalo de trocas de fraldas de pano é o mesmo tempo do que das fraldas descartáveis. Aguentam de 3 a 4 horas – a menos que o absorvente não seja um tecido bom para esse fim. Aquelas fraldinhas brancas de antigamente, por exemplo, não aguentam nada – no primeiro xixi você precisará trocar seu bebê. Por isso é importante utilizar esses absorventes modernos, feitos com tecidos que absorvem bastante.

Como lavar as fraldas e onde devo armazená-las?

Usar fraldas de pano exige cuidados na lavagem. Por isso, se você tem algum(a) ajudante (empregada, mãe, marido, amiga etc.) que queira te ajudar em casa, não deixe que essa pessoa chegue perto do tanque/fraldas sem que você a instrua. É que as fraldas não podem ser lavadas com muito sabão (uma colherinha de café é o suficiente para uma máquina cheia).

Após tirar a fralda suja do bebê, jogue num balde grande com tampa as fraldas de xixi e raspe o cocô das fraldas antes de jogar nesse balde (você pode tirar o cocô com um jato de água, com uma espátula ou escovinha). Deixe acumular por 2 ou 3 dias e lave só com água à mão (na torneira). Conforme for lavando, vá jogando na máquina. Coloque um pouquinho de sabão de coco em pó e pronto! A máquina faz o resto. Não use produtos químicos. Você pode usar umas 5 gotinhas de óleo essencial de tea tree para matar as bactérias ou de lavanda para dar um cheirinho gostoso nas fraldas.

Estenda no varal e fim! Não passe a ferro, pois as fraldas têm um plástico impermeável que pode queimar.

Se na sua casa o varal não pega muito sol, você pode deixar as fraldas de molho por umas 6h com vanish em pó branco antes de por na máquina. É que o sol tira as manchas e na falta dele o vanish pode dar uma ajuda. Depois do molho, jogue com a água do molho e tudo na máquina.

Ultimamente eu tenho lavado à mão mesmo as fraldas de cocô da Sara. Jogo o cocô no vaso sanitário e uso uma escovinha macia com uma gota de detergente neutro (sim, esses de cozinha, pois eles tiram gordura e limpam bem). Enxáguo e ponho no varal. Assim não fica muito cheiro dentro do balde de fraldas.

É importante que o balde para armazenamento das fraldas sujas tenha tampa para não atrair moscas.

Eu, falando como mãe e não como empreendedora (até porque estou encerrando as atividades comerciais), posso dizer que a fralda de pano foi uma das melhores coisas que conheci na maternidade. Resisti aos comentários que me desestimulavam com argumentos de que dá trabalho, de que é ultrapassado etc. Mas levo dessa experiência uma grande economia, pouco trabalho e a contribuição para a sustentabilidade do planeta.

A vanessa tem algumas fraldinhas ainda no estoque de sua loja online.

Confira http://www.nenenupano.iluria.com/

Emily usando um modelo de Fralda de Pano Moderna
Emily usando um modelo de Fralda de Pano Moderna
Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s