Não perca Deus de vista!

(Se você é um cristão, e já passou por dias difíceis de tristeza, lágrimas ou perdas; leia… Pode ser pra você.)

Há um certo propósito para as lágrimas e a tristeza, pelo menos em determinadas circunstâncias na vida de alguns, principalmente dos que verdadeiramente crêem e servem a Deus. Nesses casos, o intuito de Deus com nossas lágrimas, pode ser limpar nossa visão e fazer com que nossos olhos se voltem para a direção correta. “A candeia do corpo são os olhos; de sorte que, se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo terá luz” (Mateus 6:22) As lágrimas, certas vezes e certos casos, podem limpar nossos olhos da mágoa e nos trazer a paz no olhar, e assim fazer com que enxerguemos as coisas por um prisma melhor. Além disso, enquanto nossos olhos estiverem fixos em Cristo, na direção correta, dificilmente haverá motivações particulares que nos levem à tristeza, ao desânimo, e à comiseração própria.

Na maioria dos casos, lágrimas representam tristeza; e essa tristeza, segundo o conceito das escrituras sagradas, tem duas origens. Existem as tristezas que vem pela correção e aperfeiçoamento de Deus; também existem as tristezas que vem pelas circunstâncias eventuais desse mundo caído. De tal forma, ambas possuem consequências distintas. “Porque a tristeza imputada por Deus opera arrependimento para a salvação, da qual ninguém sente pesar; mas a tristeza do mundo opera a morte.” (2 Coríntios 7:10)

As escrituras sagradas ensinam que o mar da vida sempre estará pronto para submergir aqueles que deixam de enxergar, com bons olhos, o digno ponto de referência da verdade, enquanto vivem nesse mundo. Assim, aqueles que ficam sem sentido certo, e consequentemente sem propósitos, geralmente passam a olhar e cultuar as vaidades e efêmeridades que abarrotam essa geração. Tais pessoas geralmente passam a viver pela satisfação própria; usam vícios e todo tipo de entorpecentes para amenizar suas crises existenciais. Alguns se afundam no orgulho próprio, na ganância, nas paixões e sensualidade; outros chegam ao ponto de praticar os crimes mais hediondos possíveis contra a vida; massacres, suicídios, etc, etc… E assim, perdendo Deus de vista e com os olhos cheios de mágoa, a criatura se afasta da proteção do Criador, o Deus justo e verdadeiro, Aquele que não impede a justa colheita das atitudes humanas. E sabe, uma das consequências de tudo isso e da falta de conhecimento de Deus, é aquela dor na alma que muitos sentem; dor certas vezes tão forte e evidente, que alguns recorrem à soluções “tarjas pretas” para um alívio momentâneo. Enfim, essas são as tristezas que operam para a morte, como mencionei anteriormente através das escrituras.

Porém, aqui onde quero chegar, é onde eu falo daquelas lágrimas bondosamente planejadas por Deus para nossas vidas. Aquele pranto advindo dos dias tristes que Deus soberanamente orquestrou para nosso crescimento. Quero falar agora da tristeza e do choro que operam para a vida eterna, pois essas lágrimas sim, são daquelas que podem ajustar a direção e o foco do nosso olhar; daquelas que nos fazem esquecer as ilusões que criamos; essas lágrimas são daquelas que geralmente nos fazem olhar para os céus e sorrir; daquelas que nos levam ao arrependimento e à vida.
Em suma, é aqui onde digo aos meus irmãos que já superaram momentos difíceis, eu “agora tenho alegria, não porque fostes entristecidos, mas porque fostes entristecidos para o arrependimento; pois da parte de Deus fostes contristados” (2 Coríntios 7:9)

A diferença como muitos encaram a dor, está justamente para onde elas olham e o que elas podem enxergar. De certa forma, nos dias maus, algumas pessoas mais sensíveis e bem aventuradas, além de procurarem olhar para o propósito daquilo tudo, são também instigadas a procurar pela origem dos seus sinais de tristeza, vazio e solidão. De tal maneira, se não tentam mascarar de várias formas possíveis e mentir pra si mesmas, esses dias “ruins” podem ser muito oportunos. São muitos, aqueles que só vão à Deus, quando a dor lhes batem à porta. Afinal, o sofrimento pode nos fazer enxergar a única e verdadeira Luz para esse mundo, que é Cristo, o criador e provedor de todas as coisas; e por mais que isso possa parecer subjetivo para alguns, Ele afirmou: “Eu sou o caminho, e a verdade e a vida” (João 14:6)

Todo aquele que tem um chamado de Deus, tem um propósito fixo a ser cumprido nessa vida, e todas as vezes que você procurar se desviar dele, de qualquer forma, Deus misericordiosamente lhe enviará o desapontamento e a tristeza. Assim o seu choro terá o potencial de lhe fazer voltar a si, por mais doloroso que seja encarar a realidade e abdicar de suas ilusões e sonhos dos quais Deus não participa. Se você tem um chamado de Deus, mesmo em face da tristeza, frise pra si mesmo “que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.” (Romanos 8:28)

Deus endireita as veredas daqueles a quem ama, e disciplina aqueles a quem Ele recebe por filhos, mas muitas vezes faz isso através da dor. Então sejamos sábios, e aproveitemos nossos momentos de “luto” sentimentais, para colher sérias reflexões sobre os caminhos de vida que temos de seguir. Com maturidade, tenhamos sempre em mente que “o coração dos sábios está na casa do luto, mas o coração dos tolos na casa da alegria.” (Eclesiastes 7:4) “Melhor é a tristeza do que o riso, porque a tristeza torna melhor o coração.” (Eclesiastes 7:3) Infelizmente, quem não colhe as lições da tristeza, tardiamente colherá as consequências irremediáveis dos seus erros. Muitos querem brincar com a vida, mas quem disse que a vida está de brincadeira com alguém? Essa vida não terá misericórdia daqueles que não levam Deus a sério, e mais cedo ou mais tarde, todos admitirão isso, nem que seja em face da própria morte.

Em suma de tudo que tenho dito, como filhos de Deus, guardemos essa palavra: “O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã.” (Salmos 30:5)

Texto de Thiago Henr.

(Publicação Original)

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s